Wednesday, October 31

É incrível o teu coração. É por isso que eu tenho o maior orgulho em ser tua filha.
Há dias em que estou tão feliz que só me apetece sair de casa e cantar para os passarinhos.
Adoro este dia, traz-me boas recordações. Gostava tanto de me mascarar de bruxa na escola primária e de ler os textos em Inglês sobre o Halloween. E no dia 1 ia ao "doce ou travessura" com os meus primos na terra da minha mãe. Velhos tempos, que nem o tempo apaga.

Monday, October 29

"Pega no telefone e liga-lhe, não tens nada a perder. Diz-lhe que tens saudades dele, que ninguém te faz tão feliz, que os teus dias são secos, frios e áridos, como um deserto imenso, sem oásis nem miragens, sempre que não estão juntos. Pega no telefone e liga-lhe. Se ele não atender, deixa-lhe uma mensagem. Ou então escreve-lhe uma mensagem a dizer que queres estar com ele. Não te alongues nem elabores, os homens nunca percebem o que queres deixar cair nas entrelinhas. Tens de ser clara, directa, incisiva. E não podes ter medo, porque o medo é o maior inimigo do amor. Cada vez que deixares o medo entrar-te nas tuas veias, ele vai gelar-te o sangue e paralisar-te os nervos, ficas transformada numa estátua de sal e morres por dentro. A vida é uma incógnita, hoje estás aqui, amanhã podes ficar doente, ou cair-te um piano em cima quando fores a andar na rua. Ainda há pessoas que atiram pianos pela janela, sabias? Nunca se sabe como será o dia de amanhã, por isso não percas tempo: pega no telefone e liga-lhe. Tenho a certeza que ele te vai ouvir, tenho a certeza que ele te vai ajudar, tenho a certeza que ele, à sua maneira - e é tão estranha a forma como os homens gostam de nós - ainda gosta de ti. Mesmo que já não te ame, ainda gosta de ti, como tu vais aprender a gostar dele, quando a vida te obrigar a desistir deste amor. Ele está longe, mas olha por ti por entre memórias, presentes e flores. À noite, entre sonhos alterados pelo álcool, tu apareces-lhe na cama e ele volta a sentir o cheiro da tua pele e volta a amar-te com todas as suas forças. Ainda que não acredites, tu viverás para sempre nele, tal como ele vive em ti, na memória das tuas células, num passado que pode ser o teu escudo, mesmo que não seja o teu futuro. Pega no telefone e liga-lhe. Fala com ele de coração aberto, diz-lhe que o queres ver, chora se for preciso, pede-lhe que te diga se sim ou se não. Se for preciso, por mais que te custe, pede-lhe para te escrever a palavra NÃO. Pede-lhe uma resposta para o teu coração. Mais vale saberes que acabou tudo do que viveres com as laranjas todas no ar, qual malabarista exausto, sem saberes nem como nem quando elas vão cair. Mais vale chorar a tristeza de um amor perdido do que sonhar com um oásis que se transformou numa miragem. Pega no telefone e liga-lhe. Liga as vezes que forem precisas até conseguires uma resposta, a paz de uma certeza, mesmo que essa certeza não seja a que desejavas ouvir. Mas não fiques quieta, à espera que a vida te traga respostas. A vida é tua, tens de ser tu a vivê-la, não podes deixar que ela passe por ti, tu é que passas por ela. E quando todas as laranjas caírem, apanha-as com cuidado, guarda-as num cesto e muda de profissão. O circo é para quem não tem casa nem país, não é vida para ninguém. Guarda as laranjas num cesto, leva-as para casa e faz um bolo de saudades para esquecer a mágoa. E nunca deixes de sonhar que, um dia, tal como eu, vais encontrar alguém mais próximo e mais generoso, que te ensine a ser feliz, mesmo com todas as pedras que encontrarem no caminho. Larga as laranjas e muda de vida. A vida vai mudar contigo."

Sunday, October 28

Não era nada disto que eu queria. Tu continuas a enviar-me mensagens à noite e quando acordas, continuas a dizer que gostas de mim e que não me vais esquecer, continuas a achar que a distância não é problema, quanto há umas dezenas de quilómetros que nos separam e não nos deixam estar juntos. Eu não consigo, não estou preparada para manter uma relação à distância. Eu sei que fazíamos hoje dois meses, mas não te vou dizer que sei que dia é hoje. Não sei o que se passou comigo, não sei porque é que os meus sentimentos morreram assim, mas tinha de ser justa comigo, e contigo. Só quero que sigas a tua vida, eu segui o meu coração.
Adoro este conforto recente. Uma feliz descoberta, de mim.

Friday, October 26

"Purifica o teu coração antes de permitires que o amor entre nele, pois até o mel mais doce azeda num recipiente sujo."

Monday, October 22

Parece que escrever com um sorriso nos lábios já se tornou um hábito. E oh, é tão bom assim. É bom acordar de manhã e dar os bons dias às melodias que me inundam a alma. É bom sair à rua e cumprimentar as pessoas, é bom mostrar-lhes o meu sorriso. E é bom sentir-me 'eu'. Ainda me faz alguma confusão saber que há pessoas invejosas bem aqui, mais perto do que pensava. Não me entra na cabeça como é que alguém pode dizer mal de uma pessoa que nunca lhe fez mal nenhum. As pessoas não são mesmo o que aparentam ser. É mesmo verdade quando dizem que a nossa felicidade sempre vai incomodar alguém. Mas sabem, eu estou feliz. Cada noite que passa conto as estrelas com os olhos a brilhar. Cada dia que passa eu sinto que contribui para a felicidade de alguém e subi mais um degrau na minha felicidade. E é isso que me importa.

Sunday, October 21


"Pratica a coragem. Sem medo. Sem te desviares um milímetro que seja de quem és. Não te acanhes, não te rebaixes, não fiques com nada por dizer. És mais bravo do que pensas e o teu corpo mais resistente do que imaginas. Segue. Vai contigo. Conta com aquilo que tens. Ouve o bichinho que diz esquerda quando toda a gente vai para a direita, (esse bichinho és tu, não o pises). Pratica a intuição, vai mais vezes, erra as vezes que precisas. Dorme descansado. Tu não és mais ninguém, nunca o serás. Por mais que te gritem o contrário, tu és. Ponto. Por isso, pratica o que tens. Pratica o que só em ti existe e é raro nos outros. Pratica o desplante, a candura, o despropósito e o magnânime. Pratica o estrambólico, o arrumadinho e o absurdo. Pratica quem és. Só assim te manterás original."

Saturday, October 20


Ando tão sei lá... Há uma paz que me inunda a alma e estes dias gelados. Tenho sempre uma manta a  tapar-me as pernas e outra o coração. Tão saudável, tão feliz. Mas tão sensível. Estou em paz comigo mesma, mas a pressentir o pior. O meu avô vai ser operado ao coração e a minha avó anda doente, tem de ficar de cama. Espero conseguir chegar até ao coração deles, espero que seja o suficiente para os fazer sorrir. Porque eles merecem, pelas pessoas que são e pelo que fizeram de mim e de todos. Se hoje estou tão segura de mim, tão feliz por isto e por aquilo, devo-o também a eles. Eles vão ficar bem... Até porque está tudo bem. Ou tem de estar.
O problema é que as pessoas dão por garantido uma coisa e esquecem-se de que podem perdê-la.
Sinto falta. De alguém.

Tuesday, October 16

Está tudo a passar tão rápido, e eu só quero viver. Este ano tudo está diferente mas eu sinto-me bem com isso, estou cheia de energias positivas e felicidade. É tão bom estar assim. Estou livre, de mim mesma.

Sunday, October 14

Não consigo descrever aquilo que nos liga e muito menos consigo imaginar a minha vida sem ti. Fazes-me tão bem. Pela nossa amizade e por me fazeres sempre sorrir.

É tão bom sentir esta sensação de tranquilidade e felicidade. Não sei bem a razão para estar assim, só sei que estou feliz, com um sorriso de orelha a orelha. Não existe ninguém de novo na minha vida que me faça sorrir assim, existem apenas aqueles que continuam sempre comigo. E oh, tenho tanta sorte.
Esta é só mais uma noite feliz. Espero que uma de muitas mais.

Saturday, October 13

Hoje fui ver as estrelas, sozinha, ao som de velhas melodias gastas pelo tempo. Observei uma estrela tão brilhante que me parecias tu. Tu também brilhas, eu vejo-te. Que esta seja uma boa noite de sono e que leve o cansaço que hoje se apoderou de mim. Amanhã é um novo dia, repleto de boas energias, espero eu.
Gosto de viver cada bocadinho do que me constitui, e gosto de vivê-lo com um sorriso. Gosto de estudar o presente, analisar o passado e lutar pelo futuro. Gosto de mim no presente, mas foi no futuro que esta noite pensei. Sempre ouvi dizer que o futuro irá depender daquilo que somos no presente, e se assim for, a vida irá sorrir para mim, porque eu estou a dar o melhor de mim. E sou feliz.

Friday, October 12

Ás vezes a minha felicidade é tanta que me faz ter medo do futuro.


"Sou ATLETA e por vezes troco as saídas por treinos; o estilo pelo SUOR em todo o corpo , noites de festa por um CAMPEONATO; roupa de moda por um EQUIPAMENTO e não me importa nada tudo o que deixei, porque o AMOR e a satisfação de fazer um EXCELENTE CAMPEONATO vale mais que tudo e, sei que os verdadeiros amigos entendem!" TENHO TANTAS SAUDADES

Thursday, October 11


Estou a viver os melhores tempos da minha vida, rodeada de uma paz quase inexplicável, que me consome e me faz sonhar. Estou tão presente em mim, em ti e naqueles que estão comigo seja onde for, para o que for. Nem que seja no meu coração. Consigo ler a entrelinhas do meu pensamento, do que desejo que fique, do que desejo que passe. Sim, que passe, por instantes. Sei que há momentos que nunca vou esquecer, e hoje resta-me desejar que o tempo os leve com uma brisa de vento, suave. Saudável. Resta-me recordar esses momentos com todo o carinho que neles vivi, porque não há como voltar atrás. Ninguém poderá apagar-te de mim, apenas eu. Mas não consigo. Só consigo recordar-me, nostalgicamente, das coisas boas que me deste, do que me fizeste sentir. E sabes, agora parece que voltei àquele verão, mas desta vez sem as tuas mãos nas minhas, sem o teu efeito, sem ti a acordar-me de manhã com uma mensagem de bom-dia. Se era isso que querias saber, sim, eu ainda me lembro de ti, seja de que forma for. Embora não to diga. Faço-me sempre de forte, não é? Tu conheces-me, tal e qual como eu sou. E se hoje me perguntasses como eu estava, eu não te saberia explicar. Marcaste o início de um novo capítulo da minha vida, e eu estou a dar-lhe continuidade. Sempre quis escrever um livro, e espero que me ajudes a realizar esse sonho. "Estou tão feliz assim." Pode ser o título?
“Você aprende a gostar de você, a cuidar de você e, principalmente, a gostar de quem também gosta de você.”

Sunday, October 7

Estava a ver o facebook de uma amiga minha e a nossa música apareceu no facebook dela. Não resisti, ouvi-a, e automaticamente as lágrimas vêm-me aos olhos. Isto não significa nada, pois não? É só um mau dia, é isso...
Gostava tanto da sensação que tinha quando voltávamos a falar, quando eu percebia que me conhecias tal como eu sou e gostavas de mim assim. Gostava de acordar de manhã com uma mensagem e um telefonema teu, porque sabes, eu já tinha (e tenho) saudades tuas. Gostava de voltar a ler "Rita?" e gostava que me ligasses se eu não te respondesse. Gostava de cheirar o teu relógio e a tua camisola, tinham o teu cheiro, mas agora já nem isso tenho. Gostava de ti, e de mim. Acredito que há coisas que nem o tempo apaga e que, em alguns casos, há medida que o tempo passa as coisas boas são as que ficam. Tu és uma delas. E agora resta-me recordar-nos, com muita saudade.
"Pode ir embora
Deixe as lembranças que restaram de nós dois
Que a qualquer hora
Vai se arrepender e a saudade vêm depois"

Friday, October 5

Podes ter todos os defeitos do mundo mas há uma coisa que eu tenho a certeza que não farias: passar por cima de mim para alcançares um fim. Hoje lembrei-me de coisas que já tentaram impedir que fizesse, lembrei-me de pessoas que me tentaram rebaixar, lembrei-me de pessoas que já tiveram inveja, lembrei-me de coisas que já me disseram ou fizeram só para se sentirem superiores. Lembrei-me também que é nos maus momentos que vemos quem são os verdadeiros amigos. E esta não só uma dessas frases que todos dizem por dizer. Faz todo o sentido. É ao lembrar-me disso que eu percebo que tu ficas sempre comigo.

Wednesday, October 3

"Certos momentos nem o tempo. "
‎"o primeiro amor, nunca se esquece." "Ocupa-te. Mente vazia atrai lembranças."

Tuesday, October 2

Típico: ao longo do tempo as pessoas esquecem-se dos amigos que sempre estiveram presentes para tudo.