Monday, November 18

"Usa desodorizante. Diz pelo menos os palavrões todos que te apeteça dizer. Lava os dentes. Faz algo que te assuste. Diz piadas. Não escolhas o fácil só porque te parece fácil. Não comas com a boca aberta. Não faças o difícil só porque te parece difícil. Ama sem olhar a quem. Come chocolates. Ama só quando te sentes alguém. Beija de língua. Sonha com algo impossível. Orgulha-te de cada ruga. Experimenta novas posições sexuais. Ri-te de ti. Sonha com algo possível. Ri-te dos outros. Imagina o teu pior inimigo sentado na sanita. Ri-te de tudo. Nunca penses que brincas demais. Chora. Salta à corda. Leva quem amas para um motel. Atira-te ao mar sempre que podes. Ama o sol. Abraça. Ama a chuva. Perdoa quem amas. Ama o vento. Perdoa quem não amas. Toma banho todos os dias. Nunca desistas de um orgasmo. Partilha. Ajuda. Olha. Faz questão de tocar com a pele. Sorri para quem te quer bem. Abraça com força. Sorri para quem te quer mal. Não tenhas medo de desistir. Sê único. Não tenhas medo de não desistir. Respeita a maioria. Sê feliz com tudo o que temes. Caga na maioria. Dá tudo o que tens a todos os que amas. Vai ao contrário só porque te apetece. Usa cremes hidratantes. Faz o que te der na real gana. Casa por amor. Ri para sempre. Vive por amor. Arrisca. Pisa o risco. Sê pornográfico. Vicia-te em adrenalina. Prossegue. Avança. Lava periodicamente o sexo. Faz todas as opções em nome do prazer. Ama periodicamente com o sexo. Insiste em viver. Vem-te periodicamente. Continua esta lista. Todos os dias. A toda a hora. Já."

Saturday, November 9

Have a nice day! 
Às vezes as pessoas conseguem ser mesmo egoístas. Viver sem pensar nos outros, viver e ser feliz, viver para aproveitar ao máximo o dia, viver para sorrir. Sem parar um minuto para pensar. Sem parar para se porem no lugar dos outros e pensar no quão mal podem estar. Acho que tenho vivido um bocado assim. Feliz, enrolada em mim mesma e na felicidade. Se calhar a deixar que a minha essência se perca um bocadinho em tantos "bom-dia" e em tanta cor quente. Mas tenho aprendido a pintar a vida com uns tons mais pastel. Tenho aprendido que esta felicidade tem servido para eu aprender a ser feliz com os pés no chão. A ter mais calma. Ser feliz com calma. Parar para pensar a sério nos meus amigos. Nos verdadeiros, que sei bem quem são. Sinto-me egoísta por não te ter dado a devida importância, por não te ter apoiado o suficiente, por te deixar chegar ao ponto de achares que estás sozinha. Porque não estás. Por mais coisas que aconteçam, tu será sempre aquela amiga especial, a amiga que partilhou comigo noites e noites, que aturou as minhas paixões, que aturou os meus ciumes, que me compreende e principalmente que esteve sempre presente para me ouvir. Não quero apenas ser tua amiga para falarmos de roupa ou de rapazes, quero que me ligues a meio da noite porque estás triste e não consegues dormir, quero ouvir-te, nem que seja a chorar, quero que me digas o que o teu coração sente, quero continuar a crescer contigo, quero que os nossos filhos sejam amigos como nós somos. Eu hei-de sempre compreender-te. Só tenho de continuar a aprender a meter-me no lugar dos outros. Admitir que talvez esteja a ser egoísta é um passo. Espero que me desculpes. C.